8 de abr de 2012

MUITO RIGOROSO




Hoje, durante um jogo de volei masculino, o juiz marcou "dois toques" contra uma das equipes. O Nalbert, comentarista, entendeu que o juiz foi "muito rigoroso". Acho engraçado porque, para mim, rigoroso não tem muito nem pouco. Tem rigoroso. Questão de rigor lógico, mesmo. E penso que, em qualquer atividade, achar que uma pequena transgressão pode passar, que qualquer punição é "muito rigorosa", acaba complicando a atividade. Mas não deixa de ser divertido ouvir esses comentários.
Lembrei-me de um jogo de futebol de salão (não era futsal, ainda). Um time vencendo por 6 a 0. Foi quando o juiz marcou um pênalte para o time que estava vencendo.
Bastou para um torcedor do time adversário virar-se para o árbitro e sentenciar (a entonação era de ironia):
- Assim não dá, "seu" juiz! O senhor está sendo muito imparcial!

Imagem: Educa a Ação Física & Saúde.


http://educa-a-acaofisica.blogspot.com.br/2013/02/fundamentos-do-voleibol-e-valencias.html
Postar um comentário